http://2.bp.blogspot.com/-0nHhtHmQUrs/UMZ2s06eWKI/AAAAAAAANHA/UJpSFTlkICM/s1600/a-luneta-magica.jpg


Boa noite meninas e meninos!

Aproveitando esse feriadão de Carnaval, cá estou eu novamente depois de alguns dias sem entrar no blog. Parece que atrofia, verdade. Uma semana sem escrever (senão as bases tecnológicas), é estranho voltar. Só Deus sabe de onde tirei a inspiração pra começar a escrever, me perdoem se sair de qualquer jeito. Vou fazer o possível para sair legal, prometo. Afinal, vocês merecem.

Bom, a exatamente uma semana atrás eu havia terminado a leitura de um livro Chamado "A Luneta Mágica", de Joaquim Manuel de Macedo. Não sei se a foto da capa é essa que postei, porque é um livro antigo, publicado em 1869, não encontrei fontes que me garantissem uma capa verdadeira. Encontrei várias capas e acabei pegando essa mesmo, porque achei que tinha mais a ver com a história.


Agora vamos ao que realmente interessa.


A Luneta Magica é um romance cômico e provavelmente o primeiro romance brasileiro de fantasia. A linguagem é muito difícil. Se vocês desejam ler esse livro e querem um maior entendimento da história, por favor, estejam no mínimo com um dicionário do lado. Praticamente impossível ter 100% de compreensão sem possuir de um vocabulário rico de palavras difíceis ou sem ter um humilde dicionariozinho bem perto de você, já que você irá utiliza-lo de 5 em 5 minutos. Parece exagero, mas não. Isso foi me desgastando, confesso. Quase desisti do livro, mas fui forte e li até o fim. [rs]

Linguagens à parte, a história é maravilhosa. O livro fala de Simplício, um jovem míope, quase cego. Cego fisicamente e moralmente. Isso mesmo, além de não enxergar poucos palmos à sua frente, Simplício não consegue decidir-se por si só. 

  • Miopia física: — "a duas polegadas de distância dos olhos não distingo um girassol de uma violeta."
  • Miopia moral: — "sou sempre escravo das ideias dos outros; porque nunca pude ajustar duas ideias minhas."

Simplício não pensa, não consegue tomar decisões e atitudes. Mal sabia ler, muito menos escrever.  A sua salvação é Américo (seu irmão), aquele que pensa por Simplício e administra a sua fortuna. Prima Anica e Tia Domingas, são aquelas que Simplício não conhece fisicamente por conta da visão, porém, confia piamente. 

Depois de algum tempo de árdua e insistente leitura, Simplício finalmente procura um homem que produz lentes poderosas, mas infelizmente nenhum servem a Simplício. Até que decidem leva-lo a um homem mágico, vindo da Armênia, que promete fazer lentes mágicas e com grandes feitos. O misterioso armênio (o livro não cita o nome do homem) começa a magia e depois de algum tempo entrega a lente poderosa nas mãos trêmulas e geladas de Simplício. 

Não é uma simples luneta e por isso algumas condições foram postas: Aquele que estiver com a tal luneta mágica nos olhos não poderá fixa-la por mais de três minutos sobre nenhum objeto, caso contrário teria a VISÃO DO MAL. E pior, se o indivíduo olhasse por mais de treze minutos sobre qualquer coisa teria a VISÃO DO FUTURO, porém, a luneta mágica se quebraria sozinha nas mãos daquele que acabara de desobedecer o armênio.

A partir daí a história começa a esquentar e fazer borbulhas de fogo. Simplício desobedece o armênio e fixa a sua luneta, primeiramente na aurora da manhã. Claro, depois de três minutos vem a decepção do pobre Simplício. Depois fixa a luneta na sua prima Anica, que até então, nunca a tinha enxergado tão bem, mas infelizmente os três minutos se passaram e com ela toda a admiração que tinha pela prima. Pois é, o pobrezinho teve a visão do mal e ficou desiludido.

Simplício absurdamente continua desobedecendo o armênio e fixa a luneta por mais de três minutos em tudo o que vê pela frente. Simplício fica louco, doente, desiludido. Antes ele não enxergava, agora não confia em ninguém e só consegue sentir o desprezo pelas pessoas. Imagina você tendo a capacidade de ver o lado ruim das pessoas? Insano, não?

Se existe a visão do mal, será que existe a visão do bem? Existe! Simplício procura novamente o armênio e este prepara, com toda aquela magia demorada de 6 páginas, uma outra luneta mágica. O efeito era o mesmo, a diferença é que se Simplício fixasse a luneta por mais de três minutos em qualquer coisa, ele teria A VISÃO DO BEM. Parece melhor. Agora Simplício verá o lado bom das coisas e das pessoas.

Este livro acaba nos fazendo pensar a respeito da relatividade entre o bem e o mal, além de ser socialmente crítico. Nos faz muitas indagações. Será que a visão do bem é melhor do que a visão do mal? E você, gostaria de ter uma luneta mágica do qual te daria o poder de ver o lado ruim e bom de todas as coisas? O que será que Simplício via através da luneta que o deixava tão desencantado? Como era a visão do mal? E a visão do bem? 

SUPER recomendo A Luneta Mágica. A história te prende do inicio ao fim. Me dá orgulho saber que existem/existiram escritores brasileiros tão bons, já que hoje em dia ninguém sabe reconhecer o valor disso. Não estou dizendo que os escritores internacionais não são bons, mas os brasileiros são ótimos. Sem contar que péssimos livros vindo de escritores internacionais estão sendo postos em primeiro lugar entre os mais vendidos aqui no Brasil. Nós somos brasileiros, não somos? Que tal começarmos a ler mais livros de cultura brasileira

É isso! Até a próxima.


47 Comentários

  1. Como me fascina sua facilidade pra se expressar e tb sua paixao pelos livros. Blog nota 10 e é uma honra prestigiar cada texto escrito por essa bela garota. Obrigado por tudo Aline :D

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Marcelo,

      adorei seu comentário, isso me motiva cada vez mais.
      Volte sempre! Adoro seu blog e isso não é nenhuma novidade, não é mesmo? rs
      Beijãoo.

      Excluir
  2. olár,aline parabéns pelo blog!!!é muito legal,passei para conhecer seu trabalho e retribuir sua visita amei!!!ja estou te seguindo,bom feriado pra vc bjs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sula,

      obrigada pela visita e pelo comentário.
      Volte mais vezes. Será sempre bem vinda aqui.
      Beijinhoos.

      Excluir
  3. ainda não li esse livro, mas pela ótima recomendação vou ver se leio, haha. bjinhuus, adoro sua resenhas.

    http://chaveirinhho.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  4. Oii Linda boa noite..adorei a sua visita no meu blog..ja vim conhecer o teu cantinho tbm...achei o maximo..ja to seguindo :) super beijo e fika com Deus
    http://melinalupapontocruz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Melina Lupa,

      Volte mais vezes, será sempre bem vinda.
      Beijos

      Excluir
  5. Ler é muito bom mesmo!
    Quero agradecer a sua visita no meu blog de Arte educação,
    infelizmente ele está meio paradinho então, vim te convidar
    para conhecer o meu outro blog, o que funciona!
    Estou seguindo.
    Beijos

    www.tuorganizas.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Nina,

      Não há nada mais prazeroso, não é mesmo? É uma paixão infinita,rs.
      E sobre seu outro blog, darei uma passadinha por lá.
      Beijãao.

      Excluir
  6. Olá Aline! Obrigada pela visita ao meu cantinho, ja estou te seguindo tbm, e amei teu blog, sou uma leitora voraz...acredito que sinto fome de livros?? kkkk ja li tantos q nem sei. Ultimamente so tenho lido apostilas pra concurso , mas sempre q da fujo e leio por prazer. Ja li a luneta magica e adorei! Bom saber que existem pessoas apaixonadas pela arte da leitura, sim porque ler é uma arte, qualquer coisa se quiser a gente pode trocar impressoes sobre livros, como se fosse um clube de leitores pelo blog, q tal?? enfim, gostei do blog e com certeza te visitarei sempre!!
    Beijos!!http://saracrocheteira.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sara,
      obrigada por ter passado aqui.

      Que bom saber que existem pessoas assim como eu, quem amam livros. Não importa o quê, o importante é ler, rsrs. Bula, receitas, jornais, revistas e apostilas, é sempre bom ter esse contato com as palavras.

      E sobre o clube de leitores, achei uma ótima ideia. Vamos sim! Se quiser me mandar um e-mail sobre a sugestão, fique a vontade: alineperes635@gmail.com

      Beijinhos, volte sempre. Adorei sua visita.

      Excluir
  7. Oi Aline! Adorei seu blog. Confesso que antes do amor pelo artesanato em feltro, vem o amor pela leitura. Amo ler e ainda mais, amo livros. Vim retribuir sua carinhosa visita em meu blog e quero te deixar uma sugestão de um livro bem bacana pra vc ler: A menina que roubava livros. Tenho certeza que vc vai se surpreender com esta deliciosa história. Um super bj e volte sempre em meu blog.
    http://artinfelt.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rosana,

      obrigada por ter visitado o meu cantinho.
      Nada melhor do que amar os livros, não é mesmo? É uma paixão que não acaba e quando nos encontramos numa biblioteca ou livraria, parecemos crianças perdidas no meio dos brinquedos, que no nosso caso: Livros. É toda essa magia que me encanta.

      Também adoro artesanato, mas não tenho jeito pro ofício, rs.

      E sobre o livro que me indicou, felizmente já li, que diga-se de passagem, foi um dos melhores livros que já li. A história é linda.

      Beijinhos, volte sempre.

      Excluir
  8. Retribuindo a visitinha!! ;)
    Adorei seu blog!! Você escreve suuper bem, parabéns!!
    Desejo muito sucesso para o blog!!
    Estou seguindo!!!
    Beijinhoss
    Blog Farmacêutica & Vaidosa|Fan Page Blog|Twitter Blog

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Farmacêutica e Vaidosa,

      volte sempre. Obrigada pelo comentário, eu adorei!
      Sucesso para nós.
      Um beijo (:

      Excluir
  9. Oiee adorei a dica do livro..vou procurar ler
    to seguindo aqui
    segue lah?
    beijocas
    http://cantinhodanina19.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Oie Aline, obrigada pelo carinho lá no blog! Estou te seguindo de volta!!! :) Ja ouvi falar nesse livro, mas nunca li *_*

    Ah e quando tiver post novo aqui me avisa la no blog, pode escrever de qualquer jeito, mesmo que não tenha nada a ver com o meu post é que tem muito blog pra ficar comentando e se vc for la e deixar o link do seu novo post é + facil pra eu comentar no teu blog!! Bju http://www.letiiciafreire.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Letícia Freire,

      recomendo esse livro. A história é fantástica.
      Ah, aviso sim.

      Beijinhos, volte sempre.

      Excluir
  11. Já ouvi falar desse livro, agr está na minha lista!
    Seguiindo e amando!

    --beijos--
    myuniverse2012.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Mile,
      Se caso resolver ler, me diga o que achou do livro.
      Obrigada. Beijinhos.

      Excluir
  12. Aline, obrigada pelo comentário lá no blog, eu adorei!

    Ainda não conhecia esse livro, mas fiquei bem curiosa agora, ainda mais por ser brasileiro.
    Gostei muito de sua resenha,muito bem escrita.
    Assim que ler o livro volto e digo o que achei.

    Um grande beijo :)

    Camila- Ninho de Fogo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leia sim, o livro é muito bom. O comecinho é chato,
      mas depois começa a esquentar, rs.

      Beijinhos.

      Excluir
  13. Nunca tinha ouvido falar do livro mas me pareceu bem interessante. Imagino que seja uma leitura como Dom Casmurro, o dicionário sempre do lado MESMO! haha Gostei da resenha *-*
    Ah, adorei o blog e estou seguindo <33

    Beijão, Unsaid Things

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, o dicionário se tornará um amigo e tanto na
      leitura desse livro. A história em geral é muito boa.
      Obrigada, volte sempre, beijinhos.

      Excluir
  14. Oi linda obrigada pela visita ,e muito obrigada pela dica ,seguindo !bjão!!!!!
    http://realizandomoda.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  15. Nunca tinha visto esse livro, mas depois dessa resenha achei bem interessante e vou colocar ele na minha lista =)
    Abraços;
    http://refugionofimdouniverso.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gabriel,

      leia sim e depois me diga o que achou.

      Abraços (:

      Excluir
  16. Oi, Aline
    ainda não li esse livro, na verdade de Joaquim Manuel de Macedo eu só li Memórias de um sargento de milicias e confesso que não gostei muito, não pela linguagem, mas acho que os personagens não tinham muito carisma, sei que ele é muito importante para a literatura nacional, então quero ler mais livros dele pra ver se viro fã.
    Adorei seu blog e já estou seguindo,bjs

    http://beletrismos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Daniele,

      oi, acho que você não vai gostar muito de Simplício. Ele é meio chato, rsrs. Gostei do livro pelo fato de que a história nos agrega coisas boas, nos coloca pra pensar, já que a história tem todo aquele embasamento crítico social.
      Confesso que não sou fã de Joaquim Manuel de Macedo, mas gosto das ideias e o jeito difícil que escreve. A Luneta Mágica, no geral, a história é muito boa.

      Quando ler, me diga o que achou.

      Beijinhos (:

      Excluir
  17. Adoro ler,assim como uma boa jornalista que sou,e tenho muito respeito por blogs que indicam livros.Adorei o seu blog e estarei sempre acompanhando vou te seguir viu linda?Beijão
    http://realizandomoda.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Bruna,

      obrigada novamente pela visita e pelo comentário.
      Adoro seu blog também, está de parabéns!Já sigo lá.
      Beijinhos, volte sempre.

      Excluir
  18. Olá Aline, vi seu blog na lista do blog “Siga-me” vim conhecer e já estou te seguindo, vem seguir o meu também. Parabéns pelo seu blog, extensivo aos seus pais, que devem ter muito orgulho de você.
    Abraços.
    Geralda
    http://atelierdasboasideias.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Geralda.

      Muito obrigada pelo comentário. Já dei uma passadinha no seu cantinho, eu adorei!
      Volte sempre*-*
      Beijos (:

      Excluir
  19. Olá Aline!!!
    Obrigada pela visita, amei as dicas e já estou te seguindo.
    Bjsss...

    ResponderExcluir
  20. Parece ser um livro muito bom ein!! Eu gosto de livros que encaro desafios, sempre procuro me desafiar, sabe? Tirando que adoro literatura brasileira! principalmente clássica =) Gostei mt da resenha, fiquei curiosa!

    Adolecentro

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Suzana,

      o livro é muito bom. Se caso ler , me diga o que achou.
      Adorei a visita, volte sempre!

      Beijinhos (:

      Excluir
  21. Bom, eu de certa forma amei sua resenha, ela me motivou a ler este grande livro, que no qual foi passado para mim como um trabalho de aula, Agora sim surgiu várias ideias para o meu trabalho!
    Eu amo ler e de certa forma você me deu forças para ler essa obra que parece ser um pouco cansativa as bem interessante!
    Fico feliz por ver que ainda existam pessoas que apreciam a leitura :)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que a minha resenha tenha te ajudado. Fico muito feliz mesmo saber que o que escrevo aqui, de certa forma, motiva as pessoas a lerem, independente do que recomendo aqui no blog.
      Esse livro também já me foi posto como trabalho de escola, mas não li tudo. Esse ano resolvi ler e não me arrependi.

      Abçs

      Excluir
  22. Oiee linda! Amei o Blog, lindo! Adoro ler livros, ainda mais quando são de literatura, sou professora apaixonada rsrs..
    Estou te Seguindo, me segue de volta!

    Bjinhos Ray...

    ResponderExcluir
  23. Olá, Aline!
    Gostei muito da sua visão sobre o livro. Eu terminei de lê-lo exatamente agora, e fui procurar algo sobre ele na internet para ampliar a minha, ver a opinião das outras pessoas, e também como uma forma de acalmar a minha euforia. Ele é tão perfeito que fiquei inquieta. Confesso que eu tinha certos preconceitos com clássicos, mesmo que eu não os rejeitasse, sempre os coloquei como última opção. Mas agora estou mudando isso, e agora sei reconhecer que eles são livros escritos em uma época diferente da minha, mas que têm muito a me oferecer e a contribuir à pessoa que sou nos tempos de hoje. A Luneta Mágica é indescritível, e você falou muito bem. Parabéns por sua resenha, pelo site, e pela valorização da cultura brasileira (que atualmente está sendo totalmente rejeitada pelos próprios brasileiros).

    ResponderExcluir
  24. Olá, Aline!
    Sua resenha e sua visão sobre o livro é excelente. Também gostei muito de "A Luneta Mágica", o achei incrível, admirável, perfeito, e me coloquei a pensar na mesma coisa que você com relação ao autor. Confesso que sempre tive preconceito com livros clássicos, por causa da linguagem e por não serem estórias direcionadas a um público jovem e tal, mas estou vencendo isso. Mesmo que eu nunca os tenha ignorado, eu sempre os tratei como última opção, mas estou revendo meus conceitos e pensando mais nisso. Estou tentando abrir minha visão para a literatura, e a reconhecer que cada época possui suas características específicas, que a sociedade de cada tempo possui os seus costumes particulares, a sua cultura, a sua visão de mundo, e assim por diante. Estou aprendendo, enfim, a não ter preconceitos! Este livro é bastante estimulante, divertido, cômico e crítico, realmente. Parabéns, pela sua resenha, pela sua visão, e também por valorizar a cultura brasileira, que está sendo vítima de desprezo de nós, brasileiros.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel,
      Apesar de gostar de livros antigos eu ainda não me acostumei com a linguagem daquele tempo, talvez porque desde que eu comecei nessa paixão pela leitura, sempre li livros feitos para um público mais jovem e obviamente com uma linguagem bem diferente. Eu também tinha preconceito com livros clássicos, mas me livrei disso.
      E sim, esse livro é muito divertido apesar do personagem principal ser um pouco chato. rs
      Que bom que gostou! Obrigada pelo comentário. Volte sempre por aqui. Bjss *-*

      Excluir

Oba, vai ter comentário novo! :}}